Câmara concede título “Mulher de Excelência – Conceição Fontana” a mulheres que se destacaram por ações em prol de Socorro

por Assessoria de Imprensa publicado 02/05/2024 15h20, última modificação 02/05/2024 15h23
A Câmara Municipal da Estância de Socorro promoveu uma sessão solene, para homenagear três mulheres que se destacaram pelos trabalhos realizados em prol do desenvolvimento do município. Foram concedidos às mulheres o título “Mulher de Excelência – Conceição Fontana”.

A cerimônia de outorga do título foi presidida pelo presidente do Legislativo Municipal, vereador Airton Pimenta (MDB). Compondo a mesa da solenidade, ao lado do chefe da Casa de Leis, estiveram presentes o prefeito de Socorro, Ricardo Lopes, o presidente da OAB de Socorro, José Franco Craveiro Neto; Ana Maria Fontana Bernardi, filha da patronesse da homenagem; e Marvel Brasil Silva, presidente da APAE de Socorro.

Prestigiaram também a sessão solene os vereadores Alexandre da Van (MDB), Marcelo Faria (PSDB), Osvaldo Brolezzi (MDB), Thiago Balderi (PSDB) e Tiago Faria (Republicanos).

Homenageadas

O título “Mulher de Excelência – Conceição Fontana” foi entregue a Celi Alves da Silva, a Lizandre Reginato Araújo e a Maria Helena Lopes Mantovani.

Técnica em química, Celi Alves tem se destacado, ao longo dos anos na defesa e preservação do meio ambiente, chegando a presidir o Conselho de Defesa do Meio Ambiente de Socorro (CONDEMA). Celi também presidiu e fundou a ONG Grupo Ecológico Água (GEA) e é sócia-fundadora da associação Copaíba. A homenageada participa ainda de movimentos e projetos de educação ambiental e conselhos municipais.

Já Maria Helena Lopes Mantovani tem atuação de destaque na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Socorro. Ao ter o filho André diagnosticado com a síndrome de down, Maria Helena se empenhou na busca por especialistas e tratamentos para o filho e, assim, conheceu a APAE de Socorro. Para a instituição, dedicou-se voluntariamente na arrecadação de verbas, busca por apoios e doações. Participou da conquista da nova sede da APAE, no Jardim Jussara. Atualmente é vice-presidente da instituição.

Tendo atuado como professora de educação artística e coordenadora pedagógica, Lizandre Reginato Araújo auxiliou na implementação de projetos pedagógicos. Trabalhou ainda nas Festas de Agosto, criando alegorias, ensaiado os desfiles e organizando exposições artísticas. Há mais de dez anos, atua como voluntária e integrante da diretoria da Associação Paulista Feminina de Combate ao Câncer de Socorro.

"Três mulheres que vieram de caminhos, localidades, posições sociais diferentes, mas que se encontraram em virtude do amor ao próximo", enalteceu o presidente da Câmara, vereador Airton Pimenta (MDB).

As homenageadas foram selecionadas por uma comissão de mulheres – escolhidas pelos vereadores da Casa de Leis. A comissão foi composta por Amália Irani Tafner, Eli Salgueiro, Elisabeth Frias Pares, Juliana Hashimoto, Maria Elizabete Mantovani Bovi, Maria Lúcia Fagundes, Natália de Alcântara Borin, Vilma de Oliveira Simões e Ana Maria Fontana Bernardi.

Conceição Fontana

A patronesse do título, Conceição Apparecida Oraggio Fontana (in memoriam), também foi homenageada na solenidade. A sua filha, Ana Fontana, e aos seus familiares, foi entregue uma placa. "É uma felicidade imensa estar aqui hoje prestigiando a entrega desta honraria que leva o nome da minha mãe”, disse Ana Fontana.

Conceição Fontana foi costureira e atuou como servente escolar. A partir dos anos 80, aderiu à “Campanha Contra a Fome”, criado pelo sociólogo Hebert José de Sousa, conhecido como Betinho. Durante anos, Conceição usou da própria cozinha, para fazer refeições aos mais desamparados, como pessoas em situação de rua, dependentes químicos, afastados e rejeitados pela família e socialmente. Fontana também realizava bazares com o objetivo de ajudar famílias com cestas básicas, medicamentos e roupas. "Como todos sabem foi uma batalhadora das causas sociais", destacou Ana Fontana, filha de Conceição. Além da atuação social, Conceição Fontana escrevia artigos para o jornal O Município de Socorro e candidatou-se ao cargo de vereadora em 2001.